A Freguesia

Executivo e Colaboradores

© Luís S. Tavares

São João da Madeira é uma cidade portuguesa da Grande Área Metropolitana do Porto, situada na região Norte e sub-região Entre Douro e Vouga, com cerca de 21 713 habitantes (2011).

 

É sede do mais pequeno município português, possuindo apenas 8,11 km² de área, correspondendo à área da cidade, o que lhe confere uma elevada densidade populacional: 2.601,97 hab/km².

 

O município é limitado a norte pelo município de Santa Maria da Feira e e em todas as outras direções por Oliveira de Azeméis.

 

São João da Madeira é um dos cinco municípios de Portugal com uma única freguesia. Tornou-se um município autónomo da vizinha Oliveira de Azeméis em 11 de Outubro de 1926, tendo sido elevado ao estatuto de cidade em 28 de Junho de 1984, pela lei n.º 13/84.

A 11 de Outubro de 1926, e como refere Maurício Antonino Fernandes na Monografia "São João da Madeira - Cidade do Trabalho", é concedida ao Povo Sanjoanense a sua "carta de alforria", que lhe garantiu a partir dessa data a sua autonomia administrativa em relação a Oliveira de Azeméis.

São João da Madeira é neste momento uma cidade em transformação, pretendendo reassumir-se como o grande centro de toda a região norte de Aveiro. Este pequeno concelho sofre ainda hoje o paradigma da sua reduzida dimensão. O seu forte desenvolvimento na segunda metade do século XX, levou a que a área urbana da mesma ultrapassasse os seus reduzidos 8 km², levando a que freguesias de concelhos vizinhos vissem a sua população aumentar desmesuradamente. A sua verdadeira área urbana possuiu cerca de 40 mil habitantes, fruto da população de freguesias como Cucujães (11.000), São Roque (5.000), Milheirós de Poiares (4.000) e Arrifana (8.000). Tornando esta cidade industrial um dos maiores e melhores centros urbanos de Portugal.

 

Em breve, apresentaremos “Estórias de São João da Madeira e os seus cidadãos”.

...