Notícias

Categorias

Notícias » Geral » Museu Ambulante visita São João da Madeira

A Junta de Freguesia, no âmbito do 11.º Encontro Internacional de Ilustração, trouxe até São João da Madeira o "Museu Ambulante." Este projeto da Casa da Imagem esteve no pavilhão da escola de Fundo-de-Vila, nos dias 5 e 6, e garantiu aos agrupamentos da cidade uma dúzia de oficinas sobre o tema "Ofício do Fotógrafo." 

Com o objetivo de promover o 11.º Encontro Internacional de Ilustração, a Junta de Freguesia trouxe até São João da Madeira o "Museu Ambulante." Esta iniciativa, orientada pela Casa da Imagem, garantiu aos três agrupamentos da cidade uma dúzia de oficinas sobre o tema "Ofício do Fotógrafo." Inês Azevedo e Joana Mateus foram as representantes da Casa da Imagem que, durante os dias 5 e 6, orientaram as oficinas. "O "Museu Ambulante" é uma atividade que tem como objetivo levar diversos temas relacionados com a imagem aos mais variados locais" - explica Inês. Inicialmente, a ideia da Junta de Freguesia seria colocar este museu no Largo do Orreiro, mas a chuva obrigou a uma mudança de local, tendo a escolha recaído sobre o pavilhão da escola de Fundo-de-Vila. 

O "Museu Ambulante" veio até São João da Madeira com o objetivo de promover o 11.º Encontro Internacional de Ilustração, que tem como tema o "Trabalho", e garantir, aos agrupamentos da cidade, mais oficinas para além daquelas já realizadas durante o Encontro. No total, foram 12 oficinas lecionadas durante dois dias. Sobre o "Ofício do Fotógrafo", Joana Mateus revelou que o tema "não podia ser melhor." "Ao realizar o seu trabalho, o fotógrafo também regista outros trabalhos" - afirmou Joana. 

Esta oficina sobre o "Ofício do Fotógrafo", escolhida a dedo pela Junta de Freguesia por estar, como já foi referido, ligada ao tema do 11.º EII, falava sobre a história da fotografia, as primeiras máquinas fotográficas e sobre os processos diretamente ligados à fotografia analógica. Após esta pequena formação, os participantes criavam um diorama, que retrava ofícios registados entre os séculos XVIII e IX, enquanto trabalhavam outros conceitos ligados à fotografia, como o enquadramento e a composição de uma imagem.

Durante estes dois dias, o "Museu Ambulante" recebeu visitas de turmas dos três agrupamentos, mas não só. Os primeiros visitantes desta iniciativa foram professores bibliotecários da região entre Douro e Vouga e os últimos foram séniores do Clube de Tricô, do Orreiro. Foram dias intesos, mas o interesse e entusiasmo foi comum. A curiosidade que o tema despertou foi essencial para que o "Museu Ambulante" fosse considerado, pelos que lá passaram, lúdico e divertido. 

Veja as fotografias desta iniciativa aqui: https://www.facebook.com/pg/jfsjmadeira/photos/?tab=album&album_id=1560046094092009